Lucro bruto e líquido: entenda as diferenças e de que forma os indicadores impactam no seu negócio

Desde cedo aprendemos a definição básica de que lucro é um resultado positivo que alcançamos após realizar determinada atividade ou venda de um ou mais produtos. Ou seja, as receitas menos os custos e despesas, correto?

O pensamento, por mais simples que pareça, não está errado. Porém, quando o contexto envolve um empreendimento, é necessário ampliarmos o nosso repertório. Nestes casos, para além dessa concepção básica, é essencial entender conceitos como lucro bruto e lucro líquido para garantir o funcionamento saudável nas empresas.

O que é lucro bruto?

Também conhecido como lucro operacional bruto ou lucro das vendas, o lucro bruto é a diferença entre a receita total e os custos variáveis da empresa. Estes gastos incluem despesas com comissões, matérias-primas, possíveis remunerações extras, logística dos produtos, impostos por unidade, entre outros insumos envolvidos na produção.

De forma geral, o lucro bruto tende a variar de acordo com o nível de produção. Isto se dá por conta dos elementos envolvidos na operação, que podem ter um custo maior ou menor dependendo do nível de atividade da empresa.

Para entendermos melhor essas situações, vamos imaginar, por exemplo, que a sua empresa depende de um ou mais fornecedores para produzir um determinado produto. Nestas situações, muitas vezes, quanto maior a demanda, menor o custo por unidade. Ou seja, sai mais barato para a empresa produzir 15 mil produtos do que 5 ou 10 mil. Não apenas pelas despesas ligadas à produção, mas por conta de pagamentos com funcionários e transportes envolvidos nas operações.

Uma boa dica, neste caso, é calcular o Lucro Bruto por Unidade para entender melhor os custos de produção da sua empresa. Para chegar a esse resultado, basta dividir o Lucro Bruto pela quantidade de itens produzidos no mês. Estes números, junto ao lucro bruto podem funcionar para a empresa como indicadores de produtividade.

Como calcular o lucro bruto?

A fórmula básica para realizar esse cálculo pode ser entendida da seguinte forma:

Lucro Bruto = Receitas Totais – Custos Variáveis

O que é lucro líquido?

Para entendermos o lucro líquido, devemos adicionar à equação também os custos fixos da empresa. Ou seja, além dos gastos variáveis, também entram aqui despesas mensais como aluguel do local de trabalho, pagamentos fixos da folha de salário, serviços de manutenção periódicos, impostos (a exemplo do IPTU), entre outros.

Dessa forma, podemos entender que o lucro líquido considera os custos totais do negócio. A partir deste cálculo, é possível saber se a empresa está dando prejuízo ou se opera de forma saudável, apresentando resultados positivos.

Como calcular o lucro líquido?

A fórmula básica para realizar esse cálculo pode ser entendida da seguinte forma:

Lucro Líquido = Receitas Totais – Custos Totais

Conclusão

Importante ressaltar que ambos indicadores (lucro bruto e líquido) são essenciais para o bom funcionamento de um negócio. Desta forma, os gestores têm à disposição ferramentas para dar continuidade aos resultados positivos ou mudar a estratégia de produção ou de despesas fixas para melhor atender as necessidades do empreendimento.

Esperamos que as nossas dicas tenham sido valiosas e que te ajudem a obter o melhor do seu negócio! Caso queira saber mais sobre esse e outros assuntos, contate a equipe da CuboPay e venha somar os melhores resultados conosco! (:

Baixe o App

Baixe APP Cubopay no Google Play
Baixe APP Cubopay na Apple Store

Para Empresas

Para Empresas:
merchant@cubopay.net

Copyright ©2021 Todos Direitos Reservados | CuboPay.net
Brasil - Cubotech Tecnologia Ltda - Av Paulista 37 cj 41, Bela Vista - SP