Empreendedorismo: dicas para abrir sua própria empresa

Como abrir a minha própria empresa?

Cada vez mais pessoas sonham em ter sue própria empresa. Se você é uma delas, precisa ter em mente que formalizar o seu negócio é a melhor solução.

Existem diversos tipos de empreendimento. Negócios que estão começando geralmente vão se enquadrar em duas opções de caminhos: (1) abrir uma micro ou pequena empresa ou (2) cadastrar-se como MEI – Micro Empreendedor Individual.

Confira a seguir mais detalhes sobre cada um desses caminhos e veja qual é a melhor opção para a sua ideia de negócio.

Abertura de Micro ou Pequena Empresa

O primeiro passo para abrir uma Micro ou Pequena Empresa é o registro na prefeitura, ou na administração regional da cidade em que a empresa vai funcionar, assim como no estado, na Receita Federal e na Previdência Social.

Em seguida, dependendo da atividade, também será necessário realizar o registro em outros órgãos de fiscalização, como Entidades de Classe e Secretaria do Meio-Ambiente.

Para registrar a empresa legalmente você deverá ir até a Junta Comercial do Estado ou em um cartório de pessoa jurídica. Para fazer o registro, o empresário deverá apresentar uma série de documentos, de acordo com as exigências do seu Estado.

Quando a empresa for registrada, o empresário vai receber o NIRE (Número de Identificação do Registro de Empresa) e então deverá seguir para o próximo passo que é a obtenção do CNPJ e finalmente ir até a prefeitura para obter o alvará de funcionamento.

Alguns setores são obrigados a também obter a inscrição estadual e para contratar funcionários, a empresa deverá estar cadastrada na Previdência Social.

Formalização como Micro Empreendedor Individual – MEI

O Micro Empreendedor Individual é uma pessoa que trabalha por conta própria, de maneira autônoma, e se legaliza como pequeno empresário.

O procedimento de formalização como MEI é fácil, gratuito e pode ser realizado em qualquer época do ano.

Todo o processo é realizado de maneira eletrônica, inclusive o uso de nome fantasia.

Para registrar-se como MEI, basta acessar o Portal do Empreendedor e gerar um documento chamado Certidão da Condição de Microempreendedor Individual CCMEI.

Nessa certidão, consta o número de CNPJ, INSS, Inscrição na Junta Comercial e Alvará Provisório de Funcionamento.

Depois de aberto o CNPJ como MEI, o empreendedor deverá contribuir mensamente com o DAS – MEI (Documento de Arrecadação do Simples Nacional do Microempreendedor Individual)

O empreendedor poderá ter um colaborador e faturar, no máximo, até R$ 81.000,00 por ano.

Está pensando em investir? Então leia esse artigo e descubra os benefícios de investir em imóveis.

Baixe o App

Baixe APP Cubopay no Google Play
Baixe APP Cubopay na Apple Store

Para Empresas

Para Empresas:
merchant@cubopay.net

Copyright ©2021 Todos Direitos Reservados | CuboPay é Marca Registrada®
Uma empresa do Grupo Cubotech | USA | Hong Kong | Europe | Costa Rica | Brasil - Cubotech Tecnologia S/A - Av Paulista 37 cj 41, Bela Vista - SP